APRENDA A FAZER UMA HORTINHA NO CAIXOTE

outubro 09, 2020

O caixote de madeira pode ser encontrado facilmente em supermercados ou feiras e tem uma grande vantagem em ser vazado, pois não necessita fazer o processo de drenagem (vazar a água para não empossar); além de ser um material muito mais leve e melhor para transportar. Todo esse processo também pode ser feito no chão sem nenhum suporte.




Confira agora um simples passo-a-passo para montar a sua mini-horta em caixote:


1° passo – Tipo de Terra e Como Fazer

A melhor terra (substrato) é aquela com grande quantidade de matéria orgânica. Como sei que ela é boa? Para identificar a terra mais orgânica basta procurar numa Agropecuária ou loja de jardinagem e pedir pela terra preta ou substrato para jardins. Ela tem a cor mais escura e possui textura macia para mexer com as mãos.

Não coloque a terra direto no caixote, use a manta de drenagem (encontrada facilmente em casas de jardinagem) que serve como um filtro. Quando for realizar a rega, a terra não vai sair, apenas a água. Pois quando a terra escorre junto você perde nutrientes. Recorte um pedaço grande que cubra todo o fundo do caixote, servirá como proteção da madeira e para “segurar a terra”.





 
2° passo – Aplicação e Características

Aplique uma camada de terra no fundo (lembre-se: terra orgânica adubada).  A terra é boa quando a gente consegue identificar no meio da terra pedaços de galho, folhas, o que significa que existe matéria orgânica e que vai nutrir a planta.

Evite utilizar terra com muita areia ou barro vermelho. Pois eles não vão fornecer a quantidade de nutrientes necessários para a planta crescer forte.




3° passo – Mudas

Para conseguir as mudas das verduras você pode comprar em uma loja especializada, os temperos é possível comprar as sementes e plantar com mais facilidade desde o começo. Após o preparo da terra, tire as mudas do vaso com cuidado para não estragar as raízes, se for necessário, quebre o vaso para preservar a raiz das plantas.

Plante as verduras como alface, rúcula, agrião com 20 cm de espaço umas das outras. Os temperos podem ser plantados a uma distância de 10 cm um dos outros. Para espaços pequenos como caixote é bom não plantar verduras que crescem muito como tomates, batatas, aboboras, pois vai faltar espaço para a plantinha se desenvolver.




4° passo – Plantas a Escolher

Você poderá misturar diversos tipos de temperos em um recipiente mas precisa estar sempre atento com as plantas antagônicas e companheiras e saber a quantidade de água que cada uma necessita (existem umas que carecem mais que outras). Algumas plantinhas que se dão bem juntas são: manjericão, alecrim, sálvia, tomilho e cebolinha.




5° passo – Como Plantar e Regar

O próximo passo é posicionar bem a muda e completar com o resto de terra. Como já dito em outros post, é importantíssimo lembrar que ao colocar a terra, não deve aperta-lá, as plantas gostam de terra fofa.





É interessante que as plantas peguem sol direto por meio período para que possam fazer fotossíntese e se desenvolver bem. Quando regar todos os dias, você deve deixar a terra úmida não encharcar, pois pode afogar as plantinhas.

You Might Also Like

0 comentários