PARA ONDE VAI O LIXO?

outubro 13, 2021

No mundo em que vivemos hoje, em praticamente tudo o que fizemos há a geração de lixo. E se você for um cidadão consciente, você deve jogar “fora” o seu lixo de forma correta. Mas será que realmente existe o “jogar fora” para o lixo que geramos? Você já parou para pensar para onde vai o lixo que descartamos na lixeira?


Você abre um pacote de bolachas e as come e depois joga fora a embalagem na lixeira. Pronto, você, como um cidadão consciente, não jogou seu lixo na rua, que de alguma forma, se descartado incorretamente, poluiria o solo e águas dos rios e mares. Mas será que só “jogar fora” o lixo na lixeira, é mesmo a solução para toda a enorme quantidade de lixo gerada pela humanidade? Infelizmente não.


Para começar, do ponto de vista ambiental, não existe o “jogar fora” para o lixo. Só vivemos em um planeta e todo o lixo que produzimos, vai ficar aqui, gerando de alguma forma algum impacto na natureza.


Quando jogado na lixeira, se for corretamente destinado, o lixo é transportado para locais onde será separado, embalado e destinado para compostagem, no caso de lixo orgânico, ou para reciclagem, no caso de materiais recicláveis. E todo o restante e infelizmente, a maior parte do lixo, que por diversas situações não é permitida a reciclagem ou compostagem, segue para um aterro sanitário.


Os aterros sanitários são enormes montanhas de lixo empilhado, que ficarão por centenas de anos por lá, até que a própria natureza dê conta de fazer sua transformação. Nos aterros sanitários procura-se controlar toda a poluição gerada por esse lixo, como por exemplo, a contaminação das águas com o chorume e emissão de gases de efeito estufa. O grande problema, é que a maior parte do lixo gerado hoje é formada por plástico, um dos materiais mais difíceis de degradar inventado pelo ser humano. Ou seja, o plástico que você descarta hoje na lixeira, por menor que seja, se não tiver a sorte de ser reciclado e voltar novamente para a cadeia produtiva, ficará no meio ambiente por muitos anos após você morrer, como herança para seus tataranetos ou mais.


Enfim, somos responsáveis por todo o lixo que produzimos, que não dá para ser “jogado fora” e que ficará de alguma forma gerando impactos negativos na natureza, se não for reutilizado. O lixo é um dos grandes problemas ambientais provocados pelo ser humano e está nas mãos de cada cidadão achar uma solução para esta situação. Fazer o seu descarte correto, é o mínimo. Reduzir o consumismo e optar pela aquisição de produtos naturais, também são passos importantes que podem reverter esta situação.


ASSISTA A VIDEOAULA:



You Might Also Like

0 comentários